1
3
4
A
foto 1
mostra porção distal do esôfago com erosão maior do que 5 mm (esofagite erosiva grau B de Los Angeles) e área de epitelização
colunar. A
foto 2
é do mesmo paciente da
foto 1
,
após tratamento com esomeprazol 40 mg/dia por 8 semanas. Note a cicatriz linear no
epitélio escamoso (foto obtida com magnificação de 70 vezes e NBI). A
foto 3
é um exemplo de esofagite grau A (menor do que 5 mm).
A junção escamo-colunar está mais do que 2 cm acima do pinçamento e, portanto, há hérnia hiatal. A
foto 4
é do mesmo paciente
da
foto 3
após tratamento com esomeprazol 40 mg/dia por 8 semanas. Observe a cicatriz branca no epitélio escamoso.
2
Neste volume:
Ao lado estão relacionados os 12 temas da edição 2011 sobre as mais comuns
doenças ácido-relacionadas. Como nas edições anteriores, serão priorizadas
imagens endoscópicas dessas doenças.
COLEÇÃO DE
IMAGENS ENDOSCÓPICAS
Esofagites erosivas de graus menores
(
A e B na classificação de Los Angeles)
Esofagites erosivas graus A e B
Esofagites erosivas graus C e D e complicações
Doença do Refluxo não erosiva
Doença do Refluxo com alterações mínimas
Doença do Refluxo e carcinoma do esôfago
Úlcera por AAS e AINEs
Gastrites erosivas por AAS e AINEs
Úlcera gástrica
H. pylori
positivo
Gastrites por
H. pylori
H. pylori
e câncer gástrico
Úlcera duodenal
Duodenites
1 3,4,5